sexta-feira, 31 de dezembro de 2010

FELIZ 2011 - ASPECTO CRISTÃO TV - Especial de Ano Novo - Programa 20

AD Jardim Nova República no Aspecto Cristão


FELIZ 2011
ASPECTO CRISTÃO TV - Especial de Ano Novo
Programa de no. 20

Participações Especiais
Congregação da AD Ministério de Cubatão no Jardim Nova República

Mensagem Pastoral de Ano Novo
Pr. Josias de Almeida Silva - Presidente AD Ministério de Cubatão

Palavra de Mulher com Sarah Virgínia
Mensagem de Ano novo

Mensagem com Pr. Carlos Roberto
Ano novo, vida nova

Louvor:
Vitorino Silva - Meu Tributo

sexta-feira, 24 de dezembro de 2010

ASPECTO CRISTÃO TV - Programa Especial de Natal - 2010

Aspecto Cristão TV - Especial de Natal 2010





Palavra de Mulher com Sarah Virgínia
O verdadeiro sentido do Natal
Mensagem com o Pr. Carlos Roberto
Natal – Na visão de José, o carpinteiro de Nazaré
Mensagem Natalina 1
Pr. Josias de Almeida Silva
Presidente da
Assembléia de Deus - Ministério de Cubatão
Mensagem Natalina 2
Pr. Ely Lima
Presidente da UNIPEC
Conselho de Pastores de Cubatão

Música
Noite Feliz
Cenas
Musical “O
Primeiro Natal” - Graça Filmes

quinta-feira, 23 de dezembro de 2010

COMADESPE - Cartão de Natal 2010

COMADESPE - Cartão de Natal 2010 - frente
Clique na imagem para ampliá-la


COMADESPE - Cartão de Natal 2010 - verso
Clique na imagem para ampliá-la


COMADESPE FEMININA

COMADESPE FEMININA - Cartão de Natal 2010 - frente
Clique na imagem para ampliá-la
COMADESPE FEMININA - Cartão de Natal 2010 - verso
Clique na imagem para ampliá-la

sábado, 18 de dezembro de 2010

Prepara-te para te encontrares com Deus - Aspecto Cristão TV

Aspecto Cristão TV - Programa 18 - 18.12.2010


Prepara-te para te encontrares com Deus
Aspecto Cristão TV - 18.12.2010
Programa 18 - Pr. Carlos Roberto 





FICHA TÉCNICA DO PROGRAMA

Palavra de Mulher com Sarah Virgína
Tema: Abigail - Aproveitando as oportunidades - I Samuel 25
Louvor - Aline Barros - A honra e a glória

Mensagem com o Pr. Carlos Roberto
Tema: Prepara-te para encontrares com o teu Deus - Amós 4: 12
Louvor - Nani Azevedo coral e orquestra - Consagrado ao Senhor - HC 432

segunda-feira, 13 de dezembro de 2010

Aspecto Cristão TV - 11.12.2010 - Programa 17 - Pr. Carlos Roberto



PARTE 01

Homenagem aniversário de Sarah Virgínia 2010
Reportagem Assembléia de Deus de Cubatão em São José dos Campos





PARTE 02

Mensagem Pr. Carlos Roberto - Submissão às autoridades
Música ÉS com Vitorino Silva

quarta-feira, 17 de novembro de 2010

COMADESPE REUNIRÁ LIDERANÇA AMANHÃ - 18.11.2010 EM TAUBATE - SP.


Por determinação do Pr. José Ezequiel da Silva, Presidente da COMADESPE - Convenção dos Ministros das Assembléias de Deus no Estado de São Paulo e Outros, bem como de acordo com as normas estatutárias e também ofícios já encaminhados em tempo regimental, AMANHÃ - 18.11.2010, no horário das 9h00,
será realizada
REUNIÃO DE LÍDERES DA COMADESPE

Local:
Templo Central da Assembléia de Deus - Ministério de Taubaté
Rua Dr Emílio Winther, 805 - Centro - Taubaté - SP - CEP: 12.030-000
Telefone : (12) 3633-1512 .

Deverão participarem da reunião, todos os membros da Diretoria, Conselheiros em geral e Pastores Presidentes.


As esposas de todos os líderes também se reunião sob a liderança da Diretoria da Comadespe Feminina, sob a presid6encia da irmã Sarah Virgínia Silva e Silva.



Consta da pauta:
Momento de Oração,
Devocional com louvores e a ministração da Palavra de Deus,
Tratativas de assuntos de ordem administrativa como a hospedagem da próxima AGO, entre outros e a Confraternização da liderança.

O Presidente da COMADESPE hospedará a Reunião no Templo Central da Igreja que pastoreia em Taubaté e oferecerá o almoço a todos os participantes.

É imprescindível a presença de todos os convocados!

Pr. Carlos Roberto Silva
Vice-Presidente Executivo


sexta-feira, 12 de novembro de 2010

Três Períodos na vida do Rei David

"Esses são os nomes dos três filhos que nasceram á Melech David (ou Rei David), após conquistar por direito o trono de Jerusalém, são eles: Elisama, Eliadá e Elifelete" (II Sm 5:16 p/a).


A história deste Rei segundo o coração de Deus me impressiona em todos os aspectos, haja visto que ele é o único personagem bíblico que recebeu uma tríplice unção ou seja, foi ungido por 3 vezes e segundo os sábios, a unção que o Eterno tinha para liberar sobre sua vida não poderia ser de uma só vez, portanto foi repartida em três ocasiões:


1º Na casa de Jessé em Belém de Juda com 17 anos de idade - I Sm 16:13;

2º Nas terras de Hebrom, sobre Judá com 22 anos e meio de idade - II Sm 2: 4;

3º Em Jerusalém diante de todo Israel unido, as 12 tribos com 30 anos de idade - II Sm 5:3e4;

Foram 13 anos de árdua espera para que David pudesse desfrutar o cumprimento de sua promessa, porém com uma recompesa imensurável, foi lhe dado a honra de ser de sua linhagem a salvação de toda a humanidade, Yeshua Hamashiach, Jesus o Messias.

Mas, depois desta breve e simples introdução sobre David, gostaria de voltar ao texto em apreço que mostra o rei tomando posse do trono real, contemplando a morte dos seus inimigos e ainda desfrutando o sabor da promessa cumprida, David toma para si algumas concubinas das terras de Jerusalém e destas lhe nascem 11 filhos e filhas, e dentre esses rebentos gostaria de destacar 3 filhos que retratam três períodos da vida desse rei escolhido pelo Eterno são eles:

ELISAMA: do hebraico Elyshama ou El Shama que significa: DEUS OUVE;

ELIADA: do Hebraico Elyada ou El Yada que significa: DEUS OBSERVA/CONHECE;

ELIFELETE: do hebraico Eliyfelete ou El Falet que significa: DEUS LIVRA/SALVA;



*O primeiro nome citado neste versículo é ELISAMA, veja que interessante a sua Etimologia já diz muito sobre o 1º período da vida de David, O PERÍODO de DEUS OUVIR. David tinha experiência com o Eterno, não era um neófito como seus irmãos, ele sabia que poderia contar suas histórias, seus aseios e suas petições ao Todo Poderoso porque Ele sempre estaria de ouvidos inclinados para ouví-lo. Quantos desertos o rei não enfrentou, quantas perseguições, porém, Deus nunca deixou de ouví-lo como relata o profeta Isaías no cap. 59:1 "Eis Que a mão do Senhor não está encolhida para que não possa salvar, e nem os seus OUVIDOS agravados para que não possa ouvir o seu clamor", Deus ouviu David quando ele estava no campo apascentando as ovelhas de seu pai, Deus ouviu David quando ele estava fugindo pelos desertos por causa de Saul, Deus ouviu David quando ele se refugiou na caverna de Adulão... Porém, o Eterno não age no nosso tempo e nem age do nosso jeito, Ele sempre trabalha na contramão dos pensamentos do ser humano pra mostrar que Ele rege todas as coisa inclusive á nossa vida e que tudo está no controle de suas mãos. Não deixe de clamar, não pare de orar pois Deus está ouvindo a tua oração e o teu gemido, e tenha certeza que ELISAMA está nascendo pra você também.

*O Segundo nome vem como confimação dando continuidade á história de David e entra no segundo período da vida do rei : ELIADA que segundo a Etimologia é DEUS OBSERVA e CONHECE. Veja que fascinente, uma junção perfeita quando David coloca o nome do segundo filho dando á entender o 2º período de sua empolgante história, o PERIODO que DEUS VÊ e Observa. Esse é o período mais difícil para o homem, geralmente é o momento do silêncio é quando achamos que está demorando pra acontecer o que Deus nos prometeu, é aquela espera interminável que nos leva a pensar que Deus não está nos enxergando, que tudo é em vão, é aquele momento que pensamos em largar tudo ou jogar tudo para o alto e tentar a sorte, imagine se David tivesse deixado esses pensamentos entrar em seu coração, talvez á história desse rei seria outra bem diferente, porém David preferiu acreditar que apesar de tudo o que ele estava passando Deus estava olhando em sua direção e que no momento oportuno o Eterno cumpriria sua promessa, será que podemos deixar nascer e em nós um ELIADA, e dizermos como o salmista no Salmo 33:18 que diz; " Eis que os olhos do Senhor estão sobre os que o temem, sobre os que esperam na sua misericórdia"., não é momento de desespero saiba que o Eterno está contemplando tudo e está trabalhando em oculto ao teu favor, o silêncio não significa ausência de Deus, lembre-se que Jesus estava dormindo no barco dos discípulos, quem dorme está em silêncio, porém quando eles pensaram que iriam perecer por causa dos ventos e da tempestade, o Mestre levantou-se e agiu transformando a tempestade em bonança, se formos fiéis até o fim o mesmo acontecerá em nossas vidas.

*E pra finalizar esta reflexão, vejamos o terceiro filho de David que também simboliza o terceiro período de sua história, o nome é ELIFELETE que significa DEUS LIVRA/SALVA, então chegamos finalmente ao 3º período na vida de David, o período que DEUS AGE. Esse período é o mais esperado por todos nós, afinal de contas lutamos pra vencer e desejamos ansiosamente vivenciarmos este período em nossas vidas, com David não foi diferente após 13 anos de espera, de sofrimentos, de desertos causticantes durante o dia e gélidos durante á noite, perseguições e batalhas sangrentas, chega o tão esperado momento de desfrutar o cumprimento da promessa feita ainda quando era um jovem pastor de ovelhas, a hora de Deus agir chegou para David, trocou o cajado de pastor pelo cetro de ouro simbolizando Autoridade, trocou as roupas sujas do campo pelas vestes reais de panos finíssimos simbolizando Honra, e trocou a sua humilde casa em Beit Lechem  (Casa do Pão) Belém, pelo trono em Yerushalaim (Jerusalém) simbolizando o cumprimento da Promessa de Deus, Glória...

Portanto queridos leitores, tome posse desta reflexão,não se desespere porque assim como o Eterno foi fiel em cumprir o que prometeu á David, fará em sua história o mesmo pois, ELE é não mudou, e continua sendo fiel por sua palavra. O escritor aos Hebreus escreveu assim:


"Porque necessitais de paciência, para que depois de haverdes feito a vontade de Deus, possais alcançar a promessa". Hb 10:36.

Tenha convicção hoje que o Eterno OUVE, OBSERVA E AGE na sua história.

Nele que cumpre todas as suas Promessas no Seu tempo;

Ev. Anderson Araujo.
Fonte: Dicionário Etimológico - editora beit shalom/Bíblia de Estudos Pentecostal.

sexta-feira, 5 de novembro de 2010

Assembleia de Deus Ministério de Cubatão - 9o. Encontro de Senhoras - 5 a 7.11.2010






A ADC - Assembléia de Deus - Ministério de Cubatão, com séde à Rua Assembléia de Deus, no. 251 - Centro em Cubatão, presidida pelo Pr. Josias de Almeida Silva, estará realizando neste final de semana, 05 a 07 de novembro de 2010, o seu IX ENCONTRO DE SENHORAS, sob o tema: Reprime a voz de choro, e as lágrimas de teus olhos, porque há galardão para o teu trabalho. Jeremias 11: 16


O evento também será em comemoração ao JUBILEU DE DIAMANTE -75 anos de fundação das Assembléias de Deus em Cubatão.


Os cultos serão realizados no Centro Esportivo Humberto de Alencar Castelo Branco, mais conhecido como Centro Esportivo CASTELÃO, loalizado na Rua Embaixador Pedro de Toledo no. 138 - Centro - Cubatão - SP, próximo à Rua da Cidadania.


PROGRAMAÇÃO

Dia 05 - Sexta-feira

Abertura - 19,00h
Coral de Senhoras - 1300 vozes
Exército Mulheres de Deus
Orquestra OSADEC
Preletor: Pr. Gilvan Rodrigues

Dia 06 - Sábado

Tarde para as Mulheres
14h00 - Oração
14h30 - Louvor
15h00 às 17h00 - Ministração da Palavra
Preleotra - Miss. Elenilza Lara dos Santos


Noite

19h00 - Culto
Coral de Senhoras
Orquestra OSADEC
Preletor - Pr. Gessé Santos

Dia 07 - Domingo
09h00 - Celebração da Ceia do Senhor
Coral de Senhoras
Orquestra OSADEC
Preletor: Pr. Jefferson Freitas

19h00 - Culto de encerramento
Coral de Senhoras
Exército Mulheres de Deus
Orquestra OSADEC
Preletor: Pr. Felizardo Batista





Folder frente



Folder verso


Banner Celebração da Ceia


Logo Jubileu de Diamante

sexta-feira, 15 de outubro de 2010

O Evangelho em Gênesis.


Calma caro leitor [a], não precisa esfregar os olhos para ver se leu direito: é isso mesmo! Temos um evangelho em Gênesis.

Você deve estar perguntado: Mas no livro do Gênesis um evangelho? Impossível! Gênesis trata da criação dos céus e da terra, da vegetação, dos luminares e do homem.

O “Segredo”

O nome em hebraico é algo profundo e revelador. No nome está implícito algumas verdades relacionadas ao caráter e a vida da pessoa. Poderia dar alguns exemplos: Nabal, que significa louco, néscio. Isaque, riso. Davi, amado. Salomão, pacífico. Olhando a vida destes personagens bíblicos, veremos facetas e detalhes de suas vidas que estão relacionados [in] diretamente com o significado dos seus nomes.

Vamos atentar para a genealogia de Adão a Noé (Gn 5):

Adam –> Seth –> Enosh –> Kenan –> Mahalalel –>Yared –> Enoch –> Methuselah –> Lamech –> Noah

Nome Significado
Adam Homem
Seth Apontado
Enosh Mortal
Kenan Aflição, Sofrimento
Mahalalel O Elohim Bendito
Yared Descerá
Enoch Ensinando, Ensinamento
Methuselah Sua morte trará
Lamech O Desesperado
Noah Conforto, Descanso

A frase formada é fascinante, impactante, brilhante:

[Ao] Homem é Apontada Mortal Aflição, [Mas] o Elohim Bendito descerá Ensinando [que] sua Morte Trará ao Desesperado [O] Conforto, Descanso."

É por isso que a cultura judaica é fascinante. Há coisas que podemos até rejeitar, mas há outras, como esta pérola acima, que nos faz pensar e meditar quão profundo são os mistérios da Palavra de Deus.

Não é nada cabalístico! Pense, estude, e tire suas próprias conclusões. Quem lê, entenda!


Autor: Sha’ul Bentsion

fonte: site A Supremacia das Escrituras.


por Ev. Anderson Araujo.


sexta-feira, 10 de setembro de 2010

Cafetões da Prosperidade!!!!!

A Paz do Senhor;

Queridos leitores deste blog, gostaria de compartilhar esta mensagem que fala poderosamente aos nossos corações, não podemos deixar de pregar um evangelho puro e genuíno em meio á uma geração corrompida e materialista.

veja este vídeo e medite no seu conteúdo.








Nele, que regressará em breve;

por Ev. Anderson Araújo.

terça-feira, 7 de setembro de 2010

Uma difícil escolha.


A Paz do Senhor á todos;

Recebí este vídeo por e-mail e fui imensamente tocado pelo conteúdo de sua mensagem, pois, é uma verdadeira demonstração de amor. Foi justamente o que o nosso Pai celestial decidiu fazer para Salvar á humanidade, entregou seu único filho por amor á cada um de nós... Veja o vídeo e medite em sua mensagem.





Nele, que morreu para nos dar a vida;


Ev. Anderson Araujo.

quarta-feira, 1 de setembro de 2010

Mobilização Nacional, eu não me calarei e você?


Amados leitores deste blog, posto esta matéria por saber da relevância do assunto abordado pelo vídeo abaixo, entendo que essa deveria ser a atitude de todos os cristãos que prezam pela Palavra do Senhor e conhecem a verdade. Não podemos nos calar diante dos fatos, a decisão está em nossas mãos, não vamos deixar que o mundo decida o que devemos ou não fazer, afinal de contas Deus ainda continua sendo o "Dono da Igreja"...

Assista o vídeo e reflita, ainda há tempo de fazermos alguma coisa para impedir essa afronta á Igreja de Cristo.

"Que o Eterno abençoe esta nação".




Nele, que cuida da sua Igreja

Ev. Anderson Araujo.

quarta-feira, 25 de agosto de 2010

A Graça da garça - uma reflexão sobre formato e conteúdo.






Conheci o vídeo dessa mensagem através do
Mulheres Sábias - Blog da Rô e o Blog Point Rhema, Pr. Carlos Roberto.

"Este blog reproduz este artigo, por corroborar com o texto descrito abraixo, e por entender relevante o comentário feito pelo seu autor".


Com certeza a estética do pregador não é a minha, muito menos o formato da mensagem, mas a profundidade e riqueza do conteúdo me atraíram.


Creio que é uma boa oportunidade para refletirmos sôbre forma & conteúdo, sem querer no entanto mudar qualquer formato, mas apenas respeitar a multiforme graça de Deus e sua forma de alcançar os corações dos homens.


Quando aqueles que agem de maneira ortodoxa perdem a condição de se manifestar em consonância com o que Deus quer, o Eterno não estará preso ou atrelado a eles, mas permitirá que seu querer se manifeste de alguma forma.


Disse o apóstolo Paulo: "pelo que sofro trabalhos e até prisões, como um malfeitor; mas a palavra de Deus não está presa."
2 Timóteo 2:9





Disse Jesus: "E, respondendo ele, disse-lhes: Digo-vos que, se estes se calarem, as próprias pedras clamarão."
Lucas 19:40


Reflitamos


Nele que regressará em breve;

Ev. Anderson Araujo.

quarta-feira, 18 de agosto de 2010

Aspecto Cristão - TV Polo.



Permitindo Deus, a partir do próximo sábado, dia 21.08.2010, estaremos apresentando o programa de TV,

O Programa é uma realização da RHEMA PRODUÇÕES, departamento da Associação Rhema de Comunicação, com séde em Cubatão - SP.

Inicialmente será veiculado semanalmente pelo sistema NET de TV a cabo, especificamente na TV POLO CUBATÃO - Canal 18 - analógico e Canal 11 - Digital, no horário das 23,30 às 24,00h.

O programa terá a apresentação do quadro PALAVRA DE MULHER com Sarah Virgínia, louvor, divulgação de eventos e a ministração da Palavra de Deus.

A duração será de meia hora, sendo publicado e disponibilizado também neste blog e no Palavra de Mulher, a partir do mesmo horário da transmissão na TV.

ORE, DIVULGUE e PARTICIPE

por Ev. Anderson Araujo.

sexta-feira, 13 de agosto de 2010

"Reflexões sobre a vida de Paulo".



Amados leitores deste blog, é com imensa satisfação e alegria que publico o lançamento desta belo livro “Reflexões sobre a vida de Paulo” autor o meu amigo Pr. Marcello Oliveira, e estará disponível para o envio a partir da terça-feira - 17/08/2010.

O livro trata sobre alguns aspectos da vida de Paulo. Temas como: o sofrimento, a liderança da igreja, o anticristo, o que significa ser um homem de Deus, Teria Deus rejeitado Israel, são alguns tons que marcam o colorido desta obra.

O livro tem o prefácio de Luis Sayão – Teólogo, Hebraísta (USP) e Coordenador Geral da Bíblia NVI. Sem dúvida, um nome de peso que dignifica o meu trabalho e coroa o livro.

Preço especial de lançamento

De R$ 24,90

Por R$ 19,90

Para adquirir basta efetuar o depósito no

Banco ITAÚ

AG: 0027
C/C : 18699-8

Nome: Marcelo Oliveira

P.s>>> Feito o depósito, me comunique no e-mail abaixo, me enviando seu endereço completo, que o livro será enviado no dia seguinte.

e-mail: evmarcello.olliver@gmail.com

"Não deixe de adquirir esta maravilhosa obra literária que enriquecerá sua vida espiritual."

por Ev. Anderson Araujo.

sexta-feira, 30 de julho de 2010

CRISE NA ARGENTINA - Um ALERTA a nação brasileira!



Texto distribuído por ocasião da 77ª AGO da COMADESPE em Piracicaba. Com autorização do autor, reproduzo aqui neste blog, face a grande importância para o povo de Deus.


A Nova lei recém-aprovada na Argentina que oficializa o casamento entre duas pessoas do mesmo sexo vem deixando evangélicos argentinos em situação vexatória. Após o projeto de lei ter sido sancionado pelo Senado Argentino – uma ação de destruição contra a maior de todas as instituições: a família – a nação gay proclama agora o que chamo de tiro de misericórdia nos evangélicos: a realização de casamentos coletivos e simultâneos de homossexuais em todas as igrejas do país, inclusive as evangélicas. Alguns pastores, por humilhação, outros por vergonha e ainda os que não querem ser presos, estão fechando as portas de suas igrejas e abandonando as cidades.

A catástrofe inesperada que caiu sobre os argentinos vem se dirigindo ao nosso país a passos largos e não há nada que possa deter essa tempestade a não ser uma ação de mobilização geral dos evangélicos brasileiros em sair às ruas e, no segundo momento, elegerem, diante da gravidade do momento, um número expressivo de deputados federais e estaduais (evangélicos) e senadores, os quais possam impedir esta calamidade moral que vem por ai.
Não desejo ser profeta do caos, mas o risco de acontecer no Brasil o que ocorreu na Argentina é enorme. O pior é que muitos evangélicos acreditam que isso nunca acontecerá. O que é estarrecedor é que estamos dormindo e meio cegos com relação às implicações de uma Argentina Já em nossa nação. O que vai acontecer depois daí vai muito mais além do que podemos imaginar.

As parábolas de crise contadas por Jesus são um bom exemplo para nos advertir sobre sermos pegos despreparados diante de catástrofes iminentes. O povo evangélico brasileiro precisa ser sacudido da sua cegueira e nós, lideres evangélicos, necessitamos acordar diante da terrível gravidade do momento. Segundo Jesus, a calamidade virá tão inesperadamente como o ladrão (assaltante)noturno, como o esposo que surge à meia-noite, como o dono da casa que volta dum banquete a altas horas, como o senhor que retorna de uma viagem longa. O alerta do Filho do homem é: “Não se deixem pegar de improviso!”
Estamos vendo a fatalidade aproximar-se, a grande catástrofe está às portas, mas nós estamos descuidados, vivendo como se nada estivesse acontecendo de tão grave, assim como os homens antes do dilúvio e da chuva de fogo.

Este alerta objetiva acordar, escancarar os olhos do nosso povo para a precariedade de sua situação. Como disse Jesus, o terror é iminente, tão inesperado como o assalto, tão terrível como o dilúvio.
Precisamos acordar diante de iminente catástrofe moral que paira sobre os ares da nossa nação. É como na parábola das dez virgens (Mt 25.1-13; Lc 13.22-30), a vinda repentina do esposo (v.6) corresponde à irrupção repentina do dilúvio, ao assalto inesperado, à vinda de improviso do dono da casa chegando dum banquete ou duma viagem. Em todos estes temas, a subtaneidade é imagem da catástrofe que se irrompe inesperadamente. Esta é a mensagem de Jesus: A crise está às portas. Ela chega tão de improviso como, na parábola, o grito: “O esposo vem!”. E fará inexoravelmente a triagem dos homens, ainda que para olhos humanos pareça não haver nenhuma diferença entre eles (Mt 24.40ss; Lc 17.34ss). Desgraçados daqueles que esta hora encontrar despreparados! Portanto, fiquemos vigilantes para não sermos achados dormindo, quando vier a hora da crise!

Estamos recebendo, nestes últimos dias, numerosos e ameaçadores alertas e não estamos nos dando conta da calamidade que se aproxima. A PL 122 e o Programa Nacional de Direitos Humanos são prenúncios de catástrofes a vista.
A mensagem de Jesus para nós evangélicos do Brasil é: A ruína vai cair sobre vocês de modo repentino porque vocês estão dormindo e desavisados, como as cinco virgens da parábola e como o homem que enterrou seu único talento.

Pastores, líderes, povo de Deus em todo Brasil, em face dos alertas de Jesus e da iminente calamidade moral que se aproxima do Brasil, não podemos ficar estado de quem dorme e deixar que a nossa nação seja invadida pela destruição da família. Os evangélicos argentinos, na sua maioria, não acreditavam que a calamidade fosse tão iminente. Ela chegou e os pegou despreparados.
Portanto, evangélicos do país mobilizem-se para orar, saiam às ruas e elejam evangélicos comprometidos com Deus e candidatos que tenham temor no coração. Não deixem a porta se fechar para a liberdade que temos em nosso Brasil.

Lembre-se: Nesta eleição, não estamos lidando com escolhas aleatórias, mas é uma questão de manutenção da moral e dos bons costumes; é um momento onde o dinheiro vale muito pouco, porque o mais importante é o ideal cristão que tem que falar mais alto do que nossas individualidades, preciosismos, egoísmos e problemas pessoais.


POR FAVOR, LIBERTEM O PAÍS DA INFÂMIA E DA ABJEÇÃO!



Autor: Rev. Paulo Cesar Lima da Silva

Postdo por Ev. Anderson Araujo.

sexta-feira, 9 de julho de 2010

Aprendendo a Língua Hebraica.

Curso de Hebraico


Você tem desejo de aprender a língua hebraica? Então, não perca esta grande oportunidade!

Aqueles que estudam as línguas originais sempre estão na frente no quesito de interpretação bíblica.

Você pode fazer este curso de hebraico em apenas 6 meses, e com dedicação você conseguirá ler e falar algumas palavras.

Você deve estar se perguntando: Por que devo estudar o hebraico? Simples, para você não ficar escravo de nenhuma tradução, ou dependendo de nenhum comentarista para explicar o texto que você está estudando.

Cito dois exemplos: Inúmeros pregadores e ensinadores dizem: O nome de Deus é Já (Sl 68.4), então, Deus dará sua vitória JÁ, sua cura chegara JÁ..... etc. Todavia, no original aparece a palavra: יָהּ – Yáh – que é abreviação do tetragrama (4 letras do nome de Deus: Yod, Hei, Wav, Hei) – então, seu nome não é Já, mas, Senhor!

Outro exemplo é a famosa palavra “shekináh”, quem nunca ouviu esta palavra? Até uma criança, já ouviu! Pergunto: o que significa esta palavra? Ela está na Bíblia?

Venha estudar conosco, e você verá a riqueza de se conhecer as línguas originais. Estamos organizando uma turma, com um preço super especial, onde todos terão oportunidade de aprender a língua hebraica. Não fique de fora!

וַאֲנִי יָדַעְתִּי גֹּאֲלִי חָי (Jó 19.25)

Eu sei que o meu Redentor Vive!

Pr Marcelo Oliveira

Atenção: Áqueles que se interessarem em estar participando ou saber mais detalhes sobre este curso, favor entrar em contato pelo email:

anderson.caraujo@hotmail.com

por Ev. Anderson Araújo.

segunda-feira, 5 de julho de 2010

O Amigo do Noivo.

“A noiva pertence ao noivo. O Amigo do noivo que lhe presta serviço, espera e o ouve, e muito se alegra com a voz do noivo. Pois esta alegria já se cumpriu em mim. Convém que ele cresça e que eu diminua.” João 3:29-30

Essa palavra foi dita pelo profeta João Batista, sendo uma referência a sua missão como precursor de Jesus. Sua tarefa: preparar o caminho do Senhor!

Usamos como texto base a declaração de João Batista por ser biblicamente e historicamente a referência bíblica que melhor se aplica a missão do amigo do noivo. Mas citaremos também outros textos bíblicos que fortalecem as seguintes explicações:


Historicamente Falando

O exemplo de “amigo(s) do noivo(s)” mais antigo registrado em livros seculares, aparece nos registros históricos da civilização egípcia. Mas a figura de “amigo(s) do noivo(s)” é registrado também na histórias de outras civilizações e impérios como: Babilônico, Assírio, Medo, Persa, Grego, Romano, Bizantino e Muçulmano. O Registro bíblico mais antigo é datado no ano de 1857 a.C. quando Abraão envia seu servo (mais antigo, de muita confiança e provavelmente amigo) para buscar uma esposa para seu filho Isaque, seu nome ELIÉZER.

Existem poucos registros na história sobre este assunto. Mas é fato comprovado que os povos mais antigos da humanidade criaram o costume de separar uma ou mais pessoas para prepararem o casamento. Desde a cerimônia, a festa, os convidados, o noivo e principalmente a noiva, desde antigüidade até os nossos dias manteve-se o costume de serem preparados por terceiros.

Nos tempos antigos, costumeiramente os noivos não se conheciam pessoalmente, prática até hoje conservada em alguns povos. O casal só manteria um contato pessoal e direto somente na noite de núpcias. O noivo, para não se surpreender no casamento, separava uma ou mais pessoas para duas missões: a primeira era preparar o casamento; a segunda era de preparar a sua noiva para o grande dia.

Para preparar sua noiva para o casamento, o noivo escolhia a pessoa de sua maior confiança. Uma pessoa leal, fiel e muito íntima sua. Esta pessoa tornava-se então o(a) Amigo(a) do Noivo(a).

Os costumes e papéis desempenhados por estes “amigos(as)” varia muito conforme as civilizações, culturas e costumes. Nos tempos de Jesus, a diferença acontecia por regiões e cidades. Por exemplo: em Jerusalém havia um costume, na Galiléia outro e entre o essênios (provavelmente onde João Batista viveu seu ministério), outro costume bem diferente.

A Missão do Amigo do Noivo - Historicamente

O papel principal a ser desenvolvido pelo amigo do noivo, era preparar a noiva de seu melhor amigo para o casamento. Para que o noivo e a noiva não se decepcionassem no futuro matrimônio, o noivo enviava seu melhor amigo para relacionar-se com sua amada. Os próximos dias do amigo do noivo até o casamento seriam todos dedicados para a noiva. Esta é a razão principal que explica o porquê somente um amigo íntimo poderia desempenhar este papel. Sua missão exige atributos muito pessoais e um rigoroso critério.

Diante deste pressuposto, podemos então fazer uma analogia ao Espírito Santo como o "Amigo do Noivo" (Cristo), que foi enviado pelo próprio Noivo para assistir a noiva (Igreja) em tudo aquilo que for necessário para o grande dia do casamento. (Jo 16:1-15).


Vejamos então alguns Atributos do Amigo do Noivo:


1º Intimidade com o noivo:

O amigo do noivo precisava conhecer muito bem as preferências do noivo. Ele precisava conhecer de forma muito íntima o gosto, manias, defeitos, qualidades, vontades, planos e desejos do noivo para retransmitir estas informações com muita precisão para a noiva.

2º A Confiança do noivo:

Além de intimidade o amigo do noivo deveria gozar de muita confiança. O noivo só enviaria um amigo ou amiga que ele tivesse certeza que cumpriria sua missão. Nem todo amigo estaria apto para desempenhar este papel, portanto o escolhido na verdade gozava de um maravilhoso privilégio.

3º Fidelidade ao noivo:

Se você pensa que a função do amigo do noivo era só preparar a noiva para o casamento você está muito enganado. O amigo do noivo possuía uma tarefa que eu considero uma das mais difíceis: gerar na noiva paixão pelo noivo.

Imagine você se casar com uma pessoa que nunca viu na vida. Imagine amar uma pessoa sem nunca ao menos conversar com ela. O amigo do noivo tinha que gerar no coração de ambos interesse e paixão. O amigo não poderia enganar o noivo fazendo-o acreditar que a noiva estava apaixonada por ele. Era ele que levava as mensagens do noivo para a noiva. Imagine se o amigo do noivo inventasse “moda”, falasse besteira ou prometesse coisas que o noivo não prometeu? O Amigo do noivo tinha que ser fiel na retransmissão das mensagens do noivo para a noiva.


4º Respeito pela noiva

O amigo do noivo não podia se esquecer de algo muito importante: a noiva não é dele! A noiva pertence ao noivo! O amigo do noivo é somente um serviçal, um mordomo, um cooperador, nada a mais e nada menos que isso. Ele não poderia permitir em hipótese alguma que a noiva se apaixonasse por ele. Muito menos ele poderia se apoderar da Noiva. Ela não é dele, mas do noivo! Oh Glória.


Que possamos deixar o Amigo do Noivo, (o Espírito Santo) exercer sua função, preparando a Noiva, (A Igreja) para o grande dia do casamento, Ora vem Senhor Jesus.


Ev. Anderson Araújo.

fonte: Santo Vivo Estudos/ Bíblia Pentecostal

sábado, 26 de junho de 2010

Dar-te-ei dois mil cavalos - Isaías 36:8.


“Dar-te-ei dois mil cavalos se tu preparares dois mil cavaleiros para eles” (IsaÍas 36:8). וְאֶתְּנָה
לְךָ, אַלְפַּיִם סוּסִים--אִם-תּוּכַל, לָתֶת לְךָ רֹכְבִים עֲלֵיהֶם. (Fonética: “ Vê-Etenâh lê-Há alpâim sussîm, im-tuHal latét lê-Há rêHavim aleihêm). Há um verdadeiro treinamento de fé no espaço ou intervalo entre a promessa e o milagre, o acontecer daquilo que foi prometido. O primeiro exemplo bíblico está na vida de Abraão. Deus o chama de Ur dos Caldeus, da sua terra e parentela e lhe faz promessa. Ele pronta e fielmente obedece.

No verso 4 do capítulo 12 de Gênesis, lemos: “Assim partiu, como o Senhor lhe tinha dito, e foi Ló com ele; e era Abrão da idade de 75 anos, quando saiu de Harã”. A inquietude que sempre mexia no coração de Abraão era o fato de não ter herdeiro e, por consegüinte, já esboçava uma solução: “Eis que não me tens dado semente, e eis que um nascido na minha casa será o meu herdeiro”, Gênesis 15:1-3. Deus prontamente apresenta-lhe a solução: “mas aquele que de ti será gerado, esse será o herdeiro”(v.4).

Os anos se passaram, 24 anos e o capítulo 17:1 mostra que o Patriarca já estava com 99 anos de idade. Nesse capítulo vem, novamente, a reafirmação do nascimento do seu filho prometido. Como é sabido, Deus age no seu tempo. Em hebraico, o tempo comum, é ‘zêmânn’; mas o tempo de Deus é “ét”, ou seja, na ‘estação de Deus’ como o exemplo de Gênesis 18:14 – “Ao tempo (“ét”) determinado”.


Entre a promessa e o cumprimento da mesma na vida de Abrão e Sarai, muitas coisas aconteceram, como a precipitação de Sarai (Sara), em Gênesis 16:2-4, dando Agar como solução da promessa de um filho; os nomes de ambos são mudados para os novos projetos de Deus (cap.17:5 e 15), pois no intervalo para o homem, Deus sempre está trabalhando para cumprimento do seu propósito.

O caso de José é o segundo forte exemplo de treinamento de fé entre a promessa e o milagre. No coração de José havia muitos sonhos e projetos e, na “estação de Deus”, tudo aconteceria! O degrau para ele seria: escravidão, prisão e trono. Como herói sonhador passa por duras provas. O Salmo 105:17 resume: “Mandou diante deles um varão que foi vendido por escravo: José, cujos pés apertaram com grilhões e a quem puseram em ferros”.

O terceiro exemplo é o de Davi. Desde que matou Golias, ainda muito novo, não teve mais sossego e, dia e noite, era cruelmente perseguido pelo rei Saul. Humanamente falando, vivia a um passo da morte (I Samuel 20:3-b). Tornou-se vil aos olhos do seu rei como “cão morto” ou “pulga” (I Samuel 24:14).

Deus sabe como treinar os seus vasos prestes a tomar posse de uma bênção especial, de um milagre. Isaque esperou 20 anos para ser pai (Gênesis 25:20 e 26); Calebe soube esperar em fé por 45 anos para tomar posse da sua bênção (Josué 14:10). Paulo pode dizer antes de Filipenses 4:13 ( “Posso”) - “Já sei”, “aprendi” e “estou instruído” (versos 11 e 12).

Creia que o milagre vai acontecer! Para Deus, já aconteceu; para a fé confiante que espera em “expectativa de fé” (Salmo 40:1, esperar (heb), ‘lekevot’ – esperar em expectativa de fé), tudo está sob o comando de Deus.


DAR-TE-EI DOIS MIL CAVALOS

No texto de Isaías 36:8, há o desafio que vem em forma de barganha por parte do poderoso exército da Assíria: “Dar-te-ei dois mil cavalos se puderes achar cavaleiros para montar”. O rei Ezequias deveria fazer montar neles dois mil soldados. Certamente, havia soldados, contudo, não estavam preparados para a luta, para o combate. Não havia dois mil homens que pudessem guerrear cavalgando. Não estavam preparados para isso mesmo com os cavalos belicamente selados.

A lição para nós hoje é: “Se você aprender a montar, Deus lhe dará um cavalo”; “Se você se preparar para a promessa, Ele a tornará real para você! Prepare-se para “montar” na sua bênção, para tomar posse daquilo que Deus lhe tem prometido, pois fiel é o que prometeu e, “na estação de Deus”, acontecerá, “pois o choro pode durar a noite inteira (longo ou curto intervalo), mas a alegria vem pela manhã” (Salmo 30:5).

Prepare-se para a montaria em fé, oração e ação! O cavalo passará selado à sua frente, pronto para ser montado.

Nele, que cumpre as promessas em Seu tempo;


Ev.Anderson Araújo.


fonte: Café Torah/ Estudos.

quarta-feira, 23 de junho de 2010

A Falsa Ideologia da Copa do Mundo!


Desde o dia 11 de Junho do mês corrente, estamos vivendo uma febre mundial denominada “Copa do Mundo”, onde pessoas se voltam única e exclusivamente para esta festa futebolística que acontece a cada 4 anos. Os comércios param, as empresas dispensam seus funcionários mais cedo, as torcida se reúnem em bares com amigos ou então em família e tudo parece virar uma festa só, a alegria contagiante de torcedores que aos gritos de euforia empurram seu time (País) que está em busca de um reconhecimento mundial e de um troféu banhado a ouro, para então dizerem durante mais 4 anos que, são OS Melhores do Mundo.



E porque não falar daqueles milhares de pessoas que deixaram seus países, suas casas, seus problemas e foi de malas prontas para a tão sonhada viagem a copa, onde a mídia que é a maior responsável pela divulgação desta festa, transpassa uma Ideologia de que a copa é a festa da União, da harmonia e da paz, onde as diferentes etnias e nações se confraternizam e deixam suas diferenças sociais, políticas e religiosas de lado em prol do seu patriotismo.


Porém, diante desta breve narrativa que acabei de discursar, parece até que a tal Copa do Mundo seria então o “remédio” para esta geração, onde tantas guerras tiram milhares de vidas a cada instante, onde a violência reina, coisas que segundo a mídia não existe em época de copa do mundo, porém temos que lembrar que este evento de Futebolístico só dura 1 mês, e que após o próximo dia 11 de Julho de 2010, tudo voltará a ser o que era antes, todos voltaram para seus países, para suas casas, para seus problemas do cotidiano e aquele espírito da copa, ficará somente na lembrança e nas fotografias que foram tiradas, quantos colocarão a cabeça no travesseiro e terão como companheira a insônia e a depressão se depararão com as brigas e infidelidades conjugais, quantos que talvez usaram a copa como um refúgio para tentar esquecer seus problemas, e se esquecem que tudo isso passará e tornarão a ter que encará-los quando tudo isso acabar? Para alguns seria então melhor que existisse "copa do mundo" todos os dias...


É por isso que nós que somos firmados em Cristo não precisamos da tão falada copa do mundo para sermos mais felizes ou vivermos em harmonia, a nossa Paz é eterna pois quem nos proporciona é o Senhor. Não nos deixamos levar por esses sentimentos momentâneos e passageiros, enquanto pessoas esperam 4 anos para se sentirem melhor, ou para fugir dos problemas, nós os salvos em Cristo vivenciamos isso todos os dias sabendo em quem temos confiado e a quem temos entregado nossas vidas, é como João disse:

“Não ameis o mundo e nem o que no mundo há porque quem ama o mundo o amor do pai não está nele. Porque tudo que há no mundo a concupiscência dos olhos, a concupiscência da carne, e a soberba da vida não são do pai e sim do mundo. Ora, o mundo passa e a sua concupiscência, mas aquele que faz a vontade de Deus permanece para sempre”. I Jo 2:15 ao 17.

O que nos diferencia em tudo isso, é que estamos correndo em busca de um objetivo muito mais além do que um simples troféu banhado a ouro, do que fama ou prestígio, coisas que são temporais e passageiras, estamos buscando a vida eterna com Cristo que nos prometeu entregar um prêmio que temos certeza que a ferrugem não comerá e o tempo não apagará da história . Termino este singelo texto com as maravilhosas palavras de Jesus afirmando que:


Ao que vencer, de modo nenhum sofrerá o dano da segunda morte Ap - 2:11,

Ao que vencer, dar-lhe-ei de comer da árvore da vida Ap - 2:7,

Ao que vencer, darei do maná escondido, e seu nome escrito em uma pedra branca Ap – 2:17;

Ao que vencer, e guardar as minhas obras até o fim, darei poder sobre as nações Ap – 2:26;

Ao que vencer, farei com que se assente comigo no meu trono Ap – 3:21;

Que o Eterno continue nos proporcionando a fé necessária para continuarmos firmes e constantes, aguardando o seu regresso em tempo oportuno.


Cristo Esperança nossa;

Ev. Anderson Araújo.

quinta-feira, 17 de junho de 2010

Uma Preciosidade da Língua Hebraica.



"Um texto belíssimo escrito pelo meu amigo Pr. Marcelo de Oliveira, do blog A Supremacia das Escrituras, trazendo um riquíssimo conhecimento da língua hebraica á todos os que amam e desejam um maior aprofundamento nas Escrituras Sagradas".



“Veio a mim a palavra do Senhor: O que é que vês, Jeremias? E eu respondi: Vejo uma vara de amendoeira. Disse-me o Senhor: Viste bem, pois eu velo sobre a minha palavra, para a cumprir” (Jr 1.11,12)



Este texto está dentro do contexto da vocação de Jeremias por Deus para ser profeta. Jeremias estava querendo resistir ao chamado, dizendo que era muito jovem, que não sabia falar, mas Deus insistia e, através de duas visões, lhe dá a certeza que cumprirá a sua Palavra, a qual Jeremias deveria profetizar.


O texto acima, é a primeira visão, na qual Deus assegura que irá cumprir a sua palavra.

A chave deste dois versículos, está no jogo de palavras entre שָׁקֵד ( [shaqued] “amendoeira”) e שֹׁקֵד ( [shoqued] - forma verbal – “o que vela, o que vigia”).


O que tem a ver um com o outro? Que mensagem é transmitida através deste jogo de palavras?

Neste exemplo, vemos a riqueza da língua hebraica, onde vemos um jogo de palavras. São duas palavras formadas pelas mesmas consoantes (Shin, Kof, Dálet), ou seja, que possuem a mesma raiz. A única diferença entre as duas palavras é a 1º vogal. Uma é “a” e a outra é “o”. Quem conhece a língua hebraica capta este jogo imediatamente ao se deparar com o texto original sem precisar de algum comentário.

Você deve estar se perguntado: “Qual é a relação da vara de amendoeira com a Palavra do Senhor”?

A amendoeira é a primeira flor a florir depois do inverno. Pode-se dizer que ela desperta cedo e já está alerta enquanto as outras árvores começam a florir. O erudito William L. Holladay diz que “ela (a amendoeira) vigia pela chegada da primavera”.

Jeremias vem da cidade de Anatot, que é um centro de plantio de amendoeiras. As amendoeiras fazem parte do seu cotidiano. Podemos imaginar Jeremias olhando um galho da amendoeira e fazendo uma livre associação, através dos sons, com o verbo “estar acordado, alerta, despertado, vigiando, velando” e ver nisto uma mensagem de Deus que lhe assegura que Ele irá velar, cuidar da sua Palavra para que esta se cumprisse logo.


וַיְהִי דְבַר־יְהוָה אֵלַי לֵאמֹר מָה־אַתָּה רֹאֶה יִרְמְיָהוּ וָאֹמַר מַקֵּל שָׁקֵד אֲנִי רֹאֶֽה׃

וַיֹּאמֶר יְהוָה אֵלַי הֵיטַבְתָּ לִרְאֹות כִּֽי־שֹׁקֵד אֲנִי עַל־דְּבָרִי לַעֲשֹׂתֹֽו׃




Wayehy devar Adonay Elay Lemor Ma Atah Roeh Yirmeyahu Va Omar Maqqel Shaqued Ani Roeh. (Jr 1.11)

Wayomer Adonay Elay heytavta Lir’ot Ki Shoqued Al Devary La Asôto (Jr 1.12).



"Se você estiver interessado em aprender mais sobre esta língua sagrada (o Hebraico), entre em contato conosco pelo e-mail: anderson.caraujo@hotmail.com e estaremos dando mais detalhes de como fazer para obter as aulas com preço promocional". Voltaremos em breve a dar mais detalhes sobre as aulas de hebraico neste blog.


Fonte: Blog A Supremacia das Escrituras,
autor: Pr. Marcelo de Oliveira.


por Ev. Anderson Araújo.

segunda-feira, 14 de junho de 2010

O Mar já não existe!


"E vi um novo céu e uma nova terra. Porque já o primeiro céu e a primeira terra passaram e o mar já não existe". Ap 21:1.


O alvo e a expectativa final da fé da Igreja é de um novo mundo, transformado e redmido, onde Cristo permanecerá com seu povo e a justiça reinará em santa perfeição. O amoroso apóstolo João, tem o vislumbre de um futuro bem próximo onde os Escolhidos do Senhor terão uma recompensa por todas as adversidades que enfrentaram aqui neste tempo presente (Rm 8:18), ele observa atentamente a visão de um novo céu e de uma nova terra na qual nunca havia visto antes, fico a imaginar que visão maravilhosa teve nosso irmão João. Porém, o que me chama a atenção nesse episódio vivido pelo apóstolo, é justamente o que ele (João) não viu, é a última parte do versículo supracitado onde ele diz: "E O MAR JÁ NÃO EXISTE", Interessante não? fiquei a meditar então na referência que João faz por não contemplar naquela visão o MAR, a partir de então, Deus me fez entender a mensagem que João queria passar para os leitores deste capítulo tão peculiar. Quando João enfatizou que O mar não existe entendi que alguns significados importantes existem por tráz desta frase:


Mar simboliza: Inquietação, Dúvidas e Separação:

O apóstolo do amor era um pescador por profissão (Mc 1:19,20), portanto sabia muito bem lidar com o mar e as suas intempéries. Quantas madrugadas frias e escuras não passou João nas águas geladas do mar da Galiléia exercendo seu papel de pescador, porém, sabia ele o quanto era difícil lutar contra o vai e vem das ondas, as cheias das marés e a dificuldade de pescar em um mar revolto e Inquieto. João ao contemplar a visão, enfatiza que o Mar já não existe, entendo que ele lembrou-se de quantas vezes teve que enfrentar águas agitadas, tempestades com fortes ventos, a própria inquietação dos discípulos ao ver o seu barco indo quase a pique e Jesus levantando-se na ocasião e repreendendo a Inquietação do mar e a fúria do vento (Mc 4:35 ao 41), então, ele se depara com a visão dizendo: Eu ví um novo céu, e uma nova terra, mas Mar eu não vi. oh glória. quando chegarmos ao céu e desfrutarmos desta gloriosa visão que teve João, não existirá mais Inquietação alguma que nos tire a paz, a tranquilidade, a bonança, nãom viveremos mais preocupados com o amanhã, nem com o que vai acontecer no futuro. Não haverá mais ansiedade que corrói a alma e nem frustrações que dilaceram corações, mas, somente haverá alegria e gozo eternal, pois, O Mar já não existe .

Não haverá mais Dúvidas:

Assim como Inquietação, o mar simboliza Dúvida, porquê? porque todas as vezes que os discípulos levavam seus barcos para o mar para a pesca, eles não sabiam o que iriam encontrar pela frente, simplismente se preparavam, colocavam suas redes no barco, seus acessórios de pesca e partiam para mar alto no intuíto de trazerem seu sustento, porém, não havia uma certeza de pesca bem sucedida e quantas vezes eles voltaram para praia de mãos vazias sem nenhum peixe em suas redes, lembremos que em uma ocasião Jesus manda os discípulos voltarem ao mar alto e jogarem as redes, pois naquela madrugada não haviam pescado nada, mas, segundo a palavra de Jesus, eles entraram novamente no barco e obedeceram a palavra do Mestre, quando recolheram as redes haviam muitos peixes que quase rompiam as redes (Mc 5:1 ao 11).


Nosso dia a dia não é diferente, fazemos nossos deveres, tomamos decisões porém, em muitas situações encontramos dúvidas, faço ou não faço, prego ou não prego, canto ou não canto, e muitas outras interrogações que invadem a nossa mente, quanto mar de dúvidas não enfrentamos no nosso dia a dia, mas João nos anima afirmando com toda avidez, que quando chegar o grande dia o Mar de Dúvidas não existirá, tudo será visível, esclarecedor, limpo, claro e objetivo, não haverá mais SEPARAÇÃO , como existem nos mares aqui desta terra, como por exemplo os OCEANOS ( Índico, Pacífico, Atlântico) que separam os continentes e os povos , nações e etnias, mas na visão de João o Mar não existe, então podemos afirmar segundo a Palavra que lá não haverá separação alguma, Jesus disse:


"Quem vencer herdará todas as coisas, e eu serei seu Deus, e ele será meu filho." ( Ap 21:7), estaremos então para sempre com Ele, veremos seu rosto, e reinaremos com ele em glória para todo sempre, amém.


Tenhamos a certeza que este glorioso dia está muito mais perto de nós, do que quando aceitamos a fé, ora vem Senhor Jesus.


Nele que virá muito em breve para nos buscar;


Ev. Anderson Araújo.